"Voz do Povo! Bahia" no Youtube

Homens agridem casal após mulher reagir a importunação sexual em bar: Veja vídeo


Um casal foi vítima de agressões físicas e verbais sofridas dentro de um bar, situado na Madalena, na Zona Oeste do Recife. Após o caso ocorrido no dia 19 de janeiro, por volta das 20h, no Bar Caneca Fina, localizado na Avenida Visconde de Albuquerque, a mulher denunciou, no dia seguinte, à Polícia Civil a importunação sexual sofrida. As informações foram publicadas pelo portal g1.

Por meio de um vídeo, é possível ver todos os momentos da confusão no estabelecimento comercial. Neste caso, um homem xinga a vítima e o marido dela. Ao mesmo tempo, um deles aplica um ‘mata-leão’ no pescoço do companheiro da mulher, o que o faz cair no chão inconscientemente. 

Ainda conforme a publicação, a vítima, que preferiu não se identificar, relatou que tudo começou quando ela foi ao banheiro. No momento que voltava para a mesa onde o marido estava, três homens, que estavam em outra mesa, proferiram palavrões e frases de cunho sexual.

Em contato com a polícia, a vítima relatou que, ao ser agredida, arremessou um copo de bebida em um dos homens. Enfurecidos, eles reagiram e começaram as agressões físicas. Ao cair no chão, ela teve um dente quebrado e acumula hematomas pelo corpo. Após isso, a vítima foi encaminhada a um hospital e liberada em seguida. 

Veja vídeo:


Depois, inconformada com o caso, prestou queixa na Delegacia da Mulher de Santo Amaro, na área central da cidade. O caso está sendo investigado por queixas de injúria, lesão corporal e ameaça. 

"Hoje eu me sinto realmente desamparada, porque a justiça não é feita para esses homens que têm dinheiro e poder. Eles estão certos que ficam impunes. Faz e fica de graça. Mas eu vou até o fim porque não é justo a gente passar por esse tipo de violência", detalhou a mulher, em entrevista à TV Globo.

Para o marido da vítima, que relatou que os homens a ameaçaram com tiros, esse tipo de homens são extremamente “arrogantes”. "Homens arrogantes, eles se colocam acima do sexo feminino e tratam a mulher como objeto, que foi o caso da minha esposa", frisou.

A polícia também indicou que os homens deixaram o local em uma caminhonete, e nenhuma outra pessoa que estava no local tentou impedir essa ação. 

O bar

Ao g1, o dono do bar, Clovis Moreira, negou as alegações e afirmou que a unidade está disponível para o casal. Ele também sinalizou que a relação com os envolvidos trata-se da estadia antiga dos suspeitos no local. 

"Inclusive, no dia seguinte, nos reunimos com o marido, no qual mostramos as nossas filmagens e nos colocamos à disposição para qualquer ajuda", garantiu o proprietário. 

Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/vozdopovobahia

Grupo no Telegram: https://t.me/+ckT6R4J-iYM5NDIx

Siga o Tiktok do Voz do Povo Bahia e fique por dentro das novidades.

Comentários

COLUNA & Site: SILVANIA NASCIMENTO

Cotação do Dólar Hoje