Menina de 9 anos deixa carta relatando ter sido estuprada pelo pai e avô: Leia a carta



Uma menina de 9 anos escreveu uma carta durante um atendimento psicológico relatando ter sido estuprada pelo próprio pai e avô materno. O caso, que aconteceu em São José dos Campos, interior de São Paulo, foi denunciado em junho deste ano e está sendo investigado pela polícia. Ninguém foi preso.

Os abusos foram descobertos pela mãe da criança durante uma lavagem de roupa. Uma das peças íntimas da garota estava suja de sangue, o que causou espanto na mulher, já que a vítima não menstrua. Durante uma conversa, a filha confessou à mãe que o sangue era fruto dos estupros que ela vinha sofrendo do pai e avô.

As violências, segundo a vítima, aconteciam desde que ela tinha cinco anos. O pai, por exemplo, aproveitava quando ficava às sós com a filha, sempre quando a mãe estava trabalhando nos finais de semana em um shopping. Já o avô abusava da neta quando ficava responsável por buscá-la na escola.

Desconfiança e fuga

A mãe não havia desconfiado do crime, embora a pequena sofresse com constantes corrimentos e infecções urinárias, além de dificuldade para dormir à noite.

Assim que soube dos abusos, a genitora foi até uma delegacia denunciar o marido. Após o caso vir à tona, o homem fugiu de casa apenas com a roupa do corpo e uma habilitação. A Justiça expediu uma medida protetiva para a criança, para que o pai e o avô não se aproximem da menina.


Relato

Ele, o meu pai, ficava mexendo na minha parte íntima. Colocava a parte íntima dele na minha. Ele colocava a mão na minha vagina e quando colocava doía muito. Eu falava, mas ele continuava, doendo muito (sic). Ele colocava a boca na minha vagina.

O vovô ficava mexendo na minha vagina também, do mesmo jeito que o meu papai, mas não doía. Ele colocava a boca na minha parte íntima e beijava a minha bunda.

Siga nosso Instagram: https://www.instagram.com/vozdopovobahia

Grupo no Telegram: https://t.me/+ckT6R4J-iYM5NDIx

Siga o Tiktok do Voz do Povo Bahia e fique por dentro das novidades.

Informações do G1

Comentários

COLUNA & Site: SILVANIA NASCIMENTO

Cotação do Dólar Hoje